quinta-feira, 2 de abril de 2015

Um Tex diferente

Matéria retirada do site:  ndrangheta-br

Entrevista de Andrea Bonzi: Paolo Eleuteri Serpieri, do erotismo de Druuna ao Ranger

“O meu Tex? Forte com os cabelos compridos!”


“O meu Tex? Jovem, com os cabelos longos e menos politicamente correto do que é habitual”. Paolo Eleuteri Serpieri é um dos grandes nomes das HQs italianas. Aluno de Renato Guttuso, é conhecido sobretudo pela bela heroína Druuna, que nos "endoidava" anos 80 e 90. Mas o seu primeiro amor é o Oeste, e depois de uma longa gestação, no próximo dia 17 deste mês de Fevereiro sairá a sua homenagem a Águia da Noite, totalmente realizada por si, no texto e nos desenhos: para a ocasião a Sergio Bonelli Editore inaugurará uma nova coleção anual de volumes cartonados a cores, com histórias mais curtas, intitulada “Tex de autor”.

Bonzi - Serpieri, o seu Ranger é diferente de todos os outros…
Serpieri - “Interessava-me um período histórico em particular, os anos 50 do século XIX e portanto pensei que Tex podia ter uns 24-28 anos, quando habitualmente aparece como um quarentão. Eu fiz apuradas pesquisas históricas e, naquele período, era extremamente difícil encontrar alguém que tivesse o cabelo curto, e por isso alonguei-os. É o Tex que eu sempre ansiei, embora continue a ser o herói de sempre.”

Capa da HQ

Forte e quase desumano, dada a vingança final. Ele tem um gesto que não revelaremos, mas que não é próprio “de Tex”.
“Talvez sim, mas é impulsionado por uma situação extrema e sabe que para sair dela, deverá agir como um guerreiro.”

Sei que a ideia nasceu há alguns anos atrás, e Sergio Bonelli tinha hesitado…
“(Sergio) Bonelli disse amiúde que gostaria de ver um Tex desenhado por mim e por Moebius. Eu falei com ele um pouco sobre essa história provocatória, dizendo que o personagem tornou-se politicamente correto em demasia. Ele ficou perplexo e disse “não se pode fazer“, talvez tivesse razão. Então, infelizmente, faleceu. Na Bonelli deram-me a máxima liberdade criativa, e a história, como se vê pelo final em que comparece um personagem com o seu nome, é dedicada a ele!”

Algumas das páginas da HQ

Talvez alguns leitores do autor de Druuna esperassem qualquer nudez a mais…
“Eh, eh (…risos…). Na redação da Bonelli estavam todos com medo: “Não vá ele desenhar algumas mulheres…” diziam. Há uma personagem feminina, mas com efeito é muito pura.”

O editor Mauro Boselli com a 1ª edição que terá o preço de € 6,90 (Euros)

Os co-protagonistas da história são os índios, povo guerreiro retratado de forma muito crua.
“São os índios americanos a parte da epopeia do Oeste que mais me interessa. Nesta história participa Lua Negra, um comanche malvadíssimo, mas na realidade eu sempre torci por eles.”

Paolo Eleuteri Serpieri
O senhor sempre teve um grande sucesso sobretudo na França, como o explica?
“Não há nenhuma explicação em particular. Eu sempre fiz o que eu gostava. Me interessa sobretudo a ficção científica, pelo fascínio do desconhecido. Não pensei que o género pudesse agradar mais no estrangeiro do que na Itália, simplesmente aconteceu.”

Iremos rever Druuna?
“Dígamos que sim. Está para sair “Anima”, uma não história por imagens de 66 páginas: a protagonista será uma espécie de Druuna loura e encaracolada, com surpresa final.”

Jovem Tex

Tex – L´Eroe e La Legenda ( O Herói e a Lenda) é uma edição no formato franco-belga, tem 48 páginas, formato grande (23cm x 30cm), capa dura e lombada quadrada, e totalmente em cores. Parece que Serpieri teve uma certa liberdade cronológica em relação ao personagem, não utilizando a versão canônica de um Tex mais velho, mas sim um Tex mais jovem e até mesmo de cabelos longos. Mas pelas páginas divulgadas, a essência do personagem está lá, com muita aventura e tiroteios.

Fontes: Tex Willer Bog e Dinamo Art.

7 comentários:

  1. O que esse velho bicha tá fazendo com o nosso personagem? Tex nunca usou arma no coldre daquele jeito! Não é do perfil dele usar cabelos longos!
    Não sei onde está a cabeça desses diretores da Bonelli que permitiram uma coisa dessas.
    O próprio Bonelli hesitou nesse tipo de mudança do personagem!
    É incrível, mas sempre aparece alguém com uma idéia idiota para estragar a festa dos outros!
    Me desculpem, entendo que as idéias são divergentes, mas esse sujeito aí
    vai afastar os leitores.
    Enviem esse comentário para os diretores da Bonelli.
    Saudações, amigos.

    Adilson Reis

    ResponderExcluir
  2. Concordo com você, Adilson.
    Acho que essa é uma mudança radical demais pra se fazer com um personagem tão longevo e com tantos fãs.
    Nem li essa história e já sei que não gostei.

    ResponderExcluir
  3. Pelo que eu li,esta é somente uma única historia de um Tex ''alternativo''.Sou saudosista e prefiro o Tex Classico,mas como é Tex,eu a leria por curiosidade.Não acho que afastaria os leitores.Afinal é só uma aventura isolada.

    ResponderExcluir
  4. Eu Vou Dar Minha Opinião Quando Ler,Pois Eu Acho Que, Quem É Fã Do Ranger Não Vai Resistir A Curiosidade...! Obrigado E Que Venha O Ranger !.!.!.

    ResponderExcluir
  5. Eu gostei da ideia (não consigo acostumar com idéia sem assento .. ahuhauhau) de um TEX em outro contexto. E os desenhos pelo que dá pra ver são uma obra de arte. Que venha essa aventura do nosso pard e que seja tão emocionante como as outras! Quem assiste filmes de westerns se identifica com o visual do personagem. Mas tomemos isso como uma excessão à regra e licença poética! Num personagem que defende as injustiças raciais, voltemos ao bom e velho TEX, sem intolerâncias!

    ResponderExcluir

Leia isso antes de comentar:
Se você veio aqui agradecer, ajudar ou pedir que seja corrigido algum problema aqui no blog, seja bem-vindo à essa página, mas caso tenha vindo aqui somente para ofender o administrador do blog ou qualquer um dos visitantes, nem perca seu tempo escrevendo seu comentário por que ele será excluído assim que eu entrar no blog, peço também que evitem escrever palavrões em seus comentários. (frases como "sangue do demônio", "tição do inferno" e outras usadas por personagens dos quadrinhos postados aqui são permitidas)
Todos os comentários passam por moderação antes de aparecerem no blog.